quinta-feira, 18 de março de 2010

O Trem

Nenhum texto!

Nenhuma palavra a mais!

Cansei, cansei mesmo...
Ahh esse mundo indeciso...
Eu sei o que eu quero e não, eu não posso esperar...
Meu trem tá parado na estação e tenho de seguir viagem se você não pode pegar na minha mão, só me resta dar uma "tchau", aquele assim meio de despedida...
Aquele que a gente aperta o abraço, solta um sorriso e olha como se dissesse: "Fazer o que né?!"
Mas isso não dói em mim, não mais!
E "Tchau" boa sorte, boa sorte de coração!

Meu trem tá quase saindo e não dá pra esperar...
Não me ligue, não! Eu não atenderei suas ligações, estarei muito ocupado...comigo!
Vá e compre uma passagem, seu trem vai sair também, só não tem horário certo ainda!
Meu trem tá lá, a todo vapor já, prontinho pra sair por esse mundão, visitando e me mostrando tantos lugares...
Eu to prontinho pra subir nele agora...
Não me leve a mal, esse meu jeito de ir falando assim que não me importo...
Mas é que eu sou sincero, e não importa mesmo...

Meu trem tá saindo...
Eu sei que vou esbarrar em você várias vezes, mas meus olhos não procurarão mais os seus...
Meus olhos não procuram mais ninguém, agora eu preciso subir no trem...

Meu trem tá saindo...
E eu to indo...

1 comentários:

Mariana 19 de março de 2010 05:22  

vc deveria escrever mais vezes. Primeiro pq vc escreve bem... e segundo porque sao textos cheios de emoção (eu gosto) e terceiro porque: é arte!!!!

Os trens vivem partindo...mas (in)felizmente, precisam pararm eventualmente em muitas estações! =)

Beijos imensos dessa prima aqui...

About This Blog

Lorem Ipsum

  © Blogger template Newspaper III by Ourblogtemplates.com 2008

Back to TOP